29.9.11

Furor divino

Jogo no Euromilhões como o Lobo Antunes diz escrever os livros: deixo a mão ser comandada por essa outra qualquer coisa que me é alheia. Enquanto da mão do escritor saem letras, da minha saem números, sequências que se revelam frustradas, semana após semana, ou quando me lembro de tentar a sorte. No entanto, nas vezes que jogo, tenho esperança que esse furor divino tome conta de mim e me leve a um porto desconhecido, abastado, sem dúvida alguma, livre.

0 Comments:

Post a Comment

<< Home